Você sabe o que é violência obstétrica?


1 min de leitura
14 Jul
14Jul

Uma delas é quando a mulher, durante o parto, escuta: “Na hora H não gritou de dor né!?


Gente... mulher é um ser que sofre né!?


O parto em si já é f***, imagina não ser tratada corretamente nessa hora... Pois é, muitas mulheres não sabem disso, mas a violência na hora no parto existe e é punível com danos morais.


Essa violência pode ser de diversas maneiras, desde as práticas invasivas (de toda hora alguém te tocar intimamente, principalmente estagiários de medicina) até ameaças, gritos, chacotas, piadas e etc. Pode-se, ainda, ter violência quanto ninguém te passa a informação verdadeira do seu quadro, quando não levam em consideração a sua religião, quando não permitem que o acompanhante fique com gestante e quando a gestante não recebe um alívio da dor, tais como anestesia.


Caso a mulher sofra violência obstétrica, ela pode denunciar no próprio estabelecimento ou secretaria municipal/estadual/distrital; nos conselhos de classe (CRM quando por parte de profissional médico, COREN quando por enfermeiro ou técnico de enfermagem) e pelo 180 ou Disque Saúde – 136.


Tudo documentado e com testemunhas, claro!




Assuntos que podem te interessar:

O QUE É REVENGE PORN?

Lei Maria da Penha - 13 anos

SEXO DENTRO DO CARRO É PROIBIDO?

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.